PÁGINA DA NOTÍCIA

Sabedoria para olhar a vida

13/03/2021

Ir ao oftalmologista com frequência é uma ótima tática para preservar a saúde dos olhos. Existe a recomendação geral de agendar uma consulta a cada ano, porém, isso varia de uma pessoa para outra, e também de acordo com a idade. Para definir a periodicidade, fale com seu médico.

Se suspeitar de qualquer sinal, não hesite em procurar auxílio. Principalmente para os mais experientes que integram a chamada terceira idade, conceituada pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) como a faixa etária das pessoas que têm 60 anos de idade ou mais.

Segundo orientação da consultora óptica Fernanda Bolzan de Morais, algumas alterações decorrentes do processo de envelhecimento são avaliadas como naturais. Por isso, é nessa fase da vida que é muito importante redobrar os cuidados com o organismo, principalmente quando o assunto for a visão.

Nesse contexto preventivo, prestes a completar 71 anos de idade, a aposentada Beatriz Mascarello Tonet conta que usa óculos há mais de 15 anos. Nesse período, ela estima que trocou dez vezes de modelos e lentes para conseguir enxergar corretamente.

Entre as atividades rotineiras de Beatriz está a manufatura de massas caseiras na Cantina Tonet, empresa da família localizada na Linha 40, no interior de Caxias do Sul; e o atendimento ao público no varejo da vinícola.

Ela ressalta que não consegue fazer nada sem os óculos, tendo adquirido o mais recente na primeira semana de fevereiro de 2021. Assistir a televisão e acompanhar mensagens e redes sociais no smartphone também estão entre as rotinas de Beatriz Tonet.

A aposentada considera de fundamental importância a correta identificação do problema visual com a devida especificação de qual lente, no caso dela, é a melhor para garantir a visão perfeita.

Após a consulta médica, o atendimento na ótica de confiança integra o processo para que Beatriz Tonet continue com suas atividades laborais e com o atendimento ao público na empresa da família.

Assim como nosso corpo, os olhos também envelhecem. Existem doenças que aumentam a frequência após os 60 anos como a catarata, a degeneração macular relacionada à idade e o glaucoma. Além do passar dos anos, alguns fatores externos podem acelerar a perda de visão, como o tabagismo, a falta de proteção dos raios solares e fatores hereditários.

O caso da aposentada Beatriz Tonet teve a indicação para correção da miopia, que a dificuldade para enxergar longe; e de catarata, uma degeneração que causa a opacidade do cristalino, a chamada lente do olho, fator que, gradativamente, aumenta a perda de visão.

Por meio do avanço da Medicina há tratamentos cada vez mais específicos, visando maior expectativa de vida da população e o consequente envelhecimento com maior qualidade. Contudo, a melhor forma de prevenir problemas de visão é o acompanhamento médico frequente. Por meio do diagnóstico precoce e do tratamento adequado para cada caso é que haverá garantia para que pessoas como a dona Beatriz Tonet continuem a olhar a vida com mais sabedoria.

Não deixe de acompanhar outras dicas relevantes para a saúde dos seus olhos aqui no blog. Curta e compartilhe os conteúdos: facebook.com/santoolharoptica e instagram.com/santoolharoptica.

Compartilhe:

O QUE VOCÊ QUER BUSCAR?

#sigasantaoolharnasredessociais

PRECISANDO DE ÓCULOS?
 Quero um Orçamento
#vemprasantoolhar

Nosso foco é ver você feliz!